Clique aqui na imagem para acessar a Delegacia Virtual da Mulher.

ÁGUA DE CHEIRO - SANTA CRUZ,RN

ÁGUA DE CHEIRO - SANTA CRUZ,RN
R. Amaro Cavalcante, 44,próximo a Igreja Matriz

UTILIDADE PÚBLICA

UTILIDADE PÚBLICA
ATENÇÃO URGENTE

Canaã Modas

Canaã Modas

26 de nov. de 2021

Rio Grande do Norte fica na 14ª posição no ranking de avaliação contábil das gestões estaduais

O Rio Grande do Norte ficou na 14ª posição no ranking de avaliação contábil das gestões estaduais. Essa medição é feita de forma independente pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN).

O estado subiu, em dois anos, 13 posições. Até 2018, o RN ocupava a última colocação do ranking entre os estados.

Em 2019, subiu nove posições, ficando em 18º lugar. Na atualização divulgada nesta quarta-feira (24) pelo STN, com base nos dados de 2020, o estado subiu mais quatro posições.

O ranking foi criado para avaliar a consistência da informação recebida pelo Tesouro por meio do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (Siconfi).

“Nosso maior desafio atualmente é implementar um sistema contábil integrado que inclua todos os poderes e facilite o preenchimento da Matriz de Saldos Contábeis. Esse sistema padroniza o recebimento das informações contábeis e fiscais dos entes da Federação para consolidação das contas nacionais e da geração de estatísticas fiscais”, disse o secretário de Planejamento e das Finanças do RN, Aldemir Freire.

O STN visa, com essa avaliação, melhorar a informação contábil e fiscal utilizada tanto pelo Tesouro Nacional quanto pelos demais usuários.

Neste ano, o mecanismo avaliou a qualidade da informação em quatro pontos: a gestão das informações, aspectos contábeis, aspectos fiscais, e a validação do cruzamento entre os dados contábeis e fiscais recebidos.

“Saímos do último lugar do ranking em 2019 para o 14º em 2021, mesmo sendo um estado que não adota um sistema contábil único. Esse avanço, sem dúvidas, é fruto de um trabalho incansável dos analistas contábeis visando garantir sempre uma boa qualidade da informação contábil e fiscal”, disse o contador-geral do Estado, Flávio Rocha.

Ele diz ainda que “a ausência de um sistema contábil único ainda prejudica muito o estado alcançar um padrão ainda mais elevado”.

Segundo o controlador-geral do Estado, Pedro Lopes, nos primeiros meses de gestão do atual governo, foi autorizada, após diálogo com o Ministério Público de Contas, a nomeação de contadores concursados, então proibidos de ocuparem os cargos devido os limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

A iniciativa foi acatada pelo Tribunal de Contas do Estado, que entendeu o caráter de urgência. “Hoje colhemos os resultados”, disse o controlador.
Via https://g1.globo.com/rn

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Site recomendado:

Brasil

PARCEIROS DO BLOG - LEIA TAMBÉM

GeraLinks - Agregador de links

Restaurante em Santa Cruz,RN

Restaurante em Santa Cruz,RN
SAIBA mais clicando na imagem!